fbpx

“Pergunto, pois: porventura, tropeçaram para que caissem? De modo nenhum! Mas, pela sua transgressão, veio a salvação aos gentios, para pô-los em ciúmes. Ora, se a transgressão deles redundou em riqueza para o mundo, e o seu abatimento, em riqueza para os gentios, quanto mais a sua plenitude! Dirijo-me a vós outros, que sois gentios! Visto, pois, que eu sou apóstolo dos gentios, glorifico o meu ministério, para ver se, de algum modo, posso incitar à emulação os do meu povo e salvar alguns deles. Porque, se o fato de terem sido eles rejeitados trouxe reconciliação ao mundo, que será o seu restabelecimento, senão vida dentre os mortos?” – Romanos 11:11-15

“A estes doze enviou Jesus, dando-lhes as seguintes instruções: Não tomeis rumo aos gentios, nem entreis em cidades de samaritanos; mas, de preferência, procurai as ovelhas perdidas da casa de Israel.” – Mateus 10:5-6


Quero confortar o coração de Deus

Durante este jejum, fui tomado com o coração de Deus por seu próprio povo. Ao orarmos por Ekballo, fiquei profundamente comovido com o que significaria para Jesus quando a igreja em todo o mundo começasse a orar por Ekballo por Seu próprio povo, aqueles pelos quais Cristo primeiro instruiu seus discípulos a orarem e irem.
Quando Jesus disse: “Orem ao Senhor da colheita para enviar trabalhadores”, ele então ordenou que esses discípulos não fossem aos gentios, mas antes às ovelhas perdidas da casa de Israel. Ele gemeu por Seu próprio povo. Agora, mais de 2.000 anos depois, o que você acha que o gemido dele é agora? Eu quero consolar o coração de Jesus. Tenho um profundo sentimento profético de que, quando esse enorme movimento mundial de Jesus eclodir, o mesmo também ocorrerá entre o povo judeu e, talvez, em primeiro lugar. Poderia ser a hora do início do cumprimento de Romanos 11:15, falando a respeito dos judeus que receberam Cristo: “se o fato de terem sido eles rejeitados trouxe reconciliação ao mundo, que será o seu restabelecimento, senão vida dentre os mortos?” 

No ano passado, uma jovem judia que lançou um movimento de 40 dias de jejum em Israel me chamou contando um sonho em que me diziam: “Você não pode ver um reavivamento na América, a menos que você, Lou, comece a orar pelo povo judeu”. Estou ponderando muito seriamente sobre o sonho. Hoje começamos a orar, no final deste jejum para que, em todo o mundo o Senhor da colheita envie trabalhadores para o campo da colheita judaica, tanto na terra de Israel quanto na diáspora em todo o mundo.

Jesus, mais uma vez sabemos que Tu estás olhando para o teu próprio povo assediado e desamparado como ovelhas sem pastor. E sabemos que o Teu coração está partido porque há poucos trabalhadores. Então, captamos o Teu gemido e Tua oração. Procuramos nos alinhar com o Teu coração partido. Pedimos que faças o que anseias fazer desde que ordenaste a Teus discípulos que orassem esta oração: “Envia trabalhadores às ovelhas perdidas da casa de Israel”.

Pin It on Pinterest

Share This